Comunicação Institucional

O que uma orquestra pode nos ensinar sobre liderança?

Por: Isabela Pimentel22/mai/2017
Compartilhe:

Liderança é algo simples?  Não, é uma arte! Ontem assisti uma belíssima apresentação da Cia Bachiana Brasileira. Impressionada com a desenvoltura do maestro e a harmonia dos músicos, comecei a pensar em como tudo isso tem relação com nossa vida, trabalho e propósito.Confesso que por muitas vezes não sabia para que local do palco olhar, tamanha a quantidade de pessoas talentosas em um só espaço. Comecei então a me concentrar no Maestro. Seus gestos eram firmes e ao mesmo tempo suaves…

Quando esperava um tom mais forte ou uma mudança mais brusca na melodia, ele deixava isso claro não apenas com seu olhar, mas também com os seus gestos e movimentos corporais. Ele sabia dizer sem palavras.

Afinal,o que o maestro representa para o orquestra?

Papel do líder

Ele é o líder: aquele que rege, motiva quando necessário, que deixa claras as delegações, o que sabe ser firme quando necessário, que envolve e cativa com apenas um olhar e algo primordial: ele trata todos com igualdade, independente se alguém toca um instrumento mais “nobre” que outros. Todos tem seus valores e competências.

Visões da liderança e comunicação

O maestro, tal qual esperamos de um líder, tinha carisma,força, vitalidade e estava ali, na frente de todos, inteiro, de corpo e alma: nada pior que um gestor ausente, não é mesmo? E pior que vivemos cada mais na era da gestão e delegação por Whatsapp.

Encantada, fui olhando depois para cada integrante da orquestra e comparando isso com uma equipe: como o maestro era claro e transparente, todos sabiam a hora de agir, calar, começar, pausar, continuar e finalmente parar. Cada um, consciente de seu papel bem delimitado e do todo (visão sistêmica), contribuia para a beleza e a harmonia do espetáculo, que, ao final, foi aplaudido de pé.

Quando um colaborador sabe seu papel, é reconhecido, está preocupado com a harmonia do todo e com os resultados da equipe, ele se dedica tal qual um músico instrumentista e executa a obra com maestria. O líder-maestro lidera não por palavras, mas pelo exemplo. Imagina quando ninguém sabe o que deve ser feito e o gestor não é claro? A equipe se perde, a orquestra fica com som ruim e o resultado é a desarmonia.

Será que estamos sendo bons maestros para nossas equipes? Sabemos nosso papel no todo e nos preocupamos com a harmonia? Ou focamos apenas no nosso “pedacinho” (instrumento) Como anda nossa liderança?

Somos maestros de nossas vidas? Estamos construindo uma bela obra (orquestra)?

E pensar que tudo isso e muito mais a música pode ensinar para sobre nossas carreiras, escolhas e acima de tudo, sobre o bem maior: a vida.

Gostou do texto? Compartilhe e comente! 😉

Texto: Isabela Pimentel
*Jornalista, Historiadora e  Especialista em Comunicação Integrada

Imagem: Visual Hunt 

Aprofunde ainda mais seus conhecimentos em planejamento de comunicação integrada e gestão de projetos na Formação Completa. 

Assim, acompanhe também as aulas estratégicas toda quinta em nosso Youtube. 

Confira também as etapas do planejamento de comunicação integrada

Você também pode gostar de:

Newsletter

Receba os cases, notícias e novidades em seu e-mail.

Materiais Educativos

A partir da nossa expertise em Planejamento de Comunicação, Estratégia e Gestão de Projetos, desenvolvemos diversos materiais educativos para sua empresa.

Acompanhe nossos materiais educativos